Oração do Credo - Crie Uma União Muito Especial Entre Você e Deus

A Oração do Credo afirma de forma segura e irrefutável que quem está orando crê em um só Deus, o pai todo poderoso, criador do céu e da terra, de todas as coisas visíveis e invisíveis.

A Oração do Credo cria uma união muito especial entre você e Deus e ela é feita para reafirmar a fé e, pode ter a mais absoluta certeza de que, se você fizer a oração com simplicidade, submissão, fé e sinceridade, Deus estará sempre do seu lado, olhando a sua vida em cada mínimo detalhe, como ele prometeu.

Antes de fazer a Oração do Credo, encontre um quarto ou um espaço privado onde você possa ficar sozinho, e faça a oração para Deus, sem vaidade e sem nenhuma falsidade, apenas sinta o conforto da presença de Deus, que te vê em segredo.

A ORAÇÃO DO CREDO COMPLETA

Creio em um só Deus,

Pai todo-poderoso,

Criador do céu e da terra

De todas as coisas visíveis e invisíveis.

Creio em um só Senhor, Jesus Cristo,

Filho Unigênito de Deus,

nascido do Pai antes de todos os séculos:

Deus de Deus, Luz da Luz,

Deus verdadeiro de Deus verdadeiro.

Gerado, não criado, consubstancial ao Pai.

Por Ele todas as coisas foram feitas,

E por nós, homens, e para nossa salvação desceu dos céus

E encarnou pelo Espírito Santo,

no seio da Virgem Maria,

e Se fez homem.

Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos,

padeceu e foi sepultado.

Ressuscitou ao terceiro dia,

conforme as Escrituras,

e subiu aos céus,

onde está sentado à direita do Pai.

De novo há-de vir em sua glória,

para julgar os vivos e os mortos,

e o seu reino não terá fim.

Creio no Espírito Santo,

Senhor que dá a vida,

e procede do Pai e do Filho,

e com o Pai e o Filho

é adorado e glorificado:

Ele que falou pelos Profetas.

Creio na Igreja una, santa,

católica e apostólica.

Professo um só batismo

Para remissão dos pecados.

E espero a ressurreição dos mortos,

e vida do mundo que há-de vir.

Amem.

oração do Credo é uma das mais populares na Igreja Católica. Esta oração, feita com toda sinceridade, é uma forma de reafirmar a fé em Deus e pedir para que o mesmo esteja sempre do seu lado, olhando a sua vida em cada mínimo detalhe.

Em outras palavras, podemos dizer que a oração do Credo é muito poderosa.

Ouça a Oração do Credo Original

Neste vídeo do YouTube, poderá ouvir o Credo em latim e cantado, assim como ver a letra do mesmo.

 

Como Surgiu e o que Significa a Oração do Credo?

O Credo, originalmente, foi criado pelos Apóstolos de Jesus Cristo e seus primeiros sucessores, com a finalidade de que os cristãos mantivessem na memória os pontos mais importantes da fé católica ensinados por Cristo.

Desde quando a igreja era uma ideia, tomando forma junto aos apóstolos, também estava ganhando forma o que hoje é conhecido como “Símbolo dos Apóstolos”.

Que é simplesmente transmitir a em uma breve “fórmula” para todos. Em seus doze artigos, o ‘Creio’ sintetiza tudo aquilo que o católico crê.

Se você já rezou um terço ou é um cristão, provavelmente já ouviu falar desta oração, mas será que você reza da forma como originalmente foi criada para ser rezada?

E será que você está rezando a prece do Credo completa? Quando rezamos com o coração aberto e com sinceridade, a prece nunca é desperdiçada.

Mas nunca é demais conhecer as orações e sua história, o que também faz com que você se sinta mais confiante e próximo das mesmas.

Qual a Importância do Credo?

A reza do Credo é considerada a expressão da fé na Santíssima Trindade, parte importante da doutrina católica, utilizada como símbolo dos Apóstolos, que se recita no batismo.

O símbolo dos Apóstolos, ou seja, a oração do Credo, é um resumo do que os católicos creem.

Por quê Rezar o Credo?

A palavra Credo, vem do latim “credere”, isto é, ter como verdadeiro. Quando recitamos o Credo, declaramos nossa confiança na obra de Deus realizada em nosso favor.

Veja Também >>  Ocasiões Para Orar - As Melhores Horas Para Rezar

Ao recitar o Credo, estamos dizendo: eu creio, eu aceito com todo o coração a Deus. O Credo, na crença cristã, mantém as pessoas unidos à graça do batismo, onde morremos e ressuscitamos com Cristo para a nova vida.

Este não é somente um renovador da fé adquirida pela primeira vez no batismo, mas também a testemunhar a unidade da Igreja, manifestada na celebração da Eucaristia.

Como Rezar o Credo?

Para iniciar a reza do credo, encontre um local confortável e privado, onde sozinho, sobre os olhos do criador, faça a oração quase como uma meditação, sentindo o conforto de estar só e a vontade, deixe a paz preencher seu corpo.

Rezar é uma valiosa ação para diversas religiões. Rezar nos ajuda a ter clareza de raciocínio e paz de espírito, não importa o momento do dia, qualquer momento é propício para rezar.

Para a oração do Credo, também não há segredo, concentre-se e deixe que as palavras fluam de sua alma. Recomendamos um local tranquilo e recolhido quando for rezar, principalmente para aqueles que normalmente tem dificuldade em manter a concentração.

ORAÇÃO DO CREDO: OUTRA VERSÃO

Provavelmente, você já deve ter ouvido a Oração do Credo em outra versão:

“Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra. E em Jesus Cristo, seu único Filho Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria , padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu a mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos Céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e mortos. Creio no Espírito Santo. Na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.”

Essa oração é uma redução da oração do Credo original. Ela é igualmente poderosa, no entanto foi reduzida para facilitar a memorização dos fieis, contendo as partes mais importantes da Oração do Credo Original.

A FORÇA DA ORAÇÃO DO CREDO

Quando a dor e a fraqueza bate em nossa porta, é normal ficarmos sem animo e sem forças para lutar. É nesses momentos que devemos rezar com muita fé a Oração do Credo e voltar o nosso rosto para Deus Todo Poderoso.

O Papa Bento XVI pediu aos fies para rezar várias vezes esta poderosa oração para nos fazer compreender e confiar no Criador. Se você está passando por uma situação de desespero, reze a Oração do Credo várias vezes por dia e repita também estas palavras: “Eu creio. Eu creio. Eu creio”.

Você verá que a esperança florirá de novo dentro de você e terá mais força para aguentar o problema, até ele passar.

O que é a Oração do Credo?

A oração do credo é um resumo dos pontos essenciais da fé cristã. Várias igrejas de diferentes denominações usam o credo para explicar aquilo em que acreditam.

A oração do credo não aparece na Bíblia, mas é baseada na Bíblia. A oração do credo, também conhecida como Credo dos Apóstolos ou Credo Apostólico, é um texto muito antigo, dos primeiros séculos da igreja.

Não explica todas as doutrinas da Bíblia, mas resume os ensinamentos essenciais da Bíblia sobre Deus, Jesus e a salvação. O nome “credo” vem da palavra em latim para “creio”.

Desde muito cedo, o credo tem sido usado por cristãos para declarar sua fé nas verdades que a Bíblia ensina, rejeitando heresias. É conhecido como o credo apostólico porque se baseia no ensinamento dos apóstolos, que foram ensinados por Jesus.

Cada Afirmação no Credo tem Base na Bíblia:

Deus Pai, Todo Poderoso, Criador dos céus e da terra – Gênesis 1:1; Gênesis 17:1
Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor – Mateus 16:15-17
concebido pelo Espírito Santo, nasceu da virgem Maria – Lucas 1:34-35
sofreu debaixo de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado – Atos dos Apóstolos 13:28-29
desceu ao mundo dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia – 1 Coríntios 15:3-5
subiu ao Céu, está sentado à direita de Deus Pai Todo-Poderoso – Lucas 24:50-51; Atos dos Apóstolos 2:32-33
de onde voltará para julgar os vivos e os mortos – Hebreus 9:28; 2 Timóteo 4:1
Espírito Santo – João 14:26
a santa Igreja universal, a comunhão dos santos – Hebreus 10:25; 1 João 1:3
a remissão dos pecados – 1 João 1:9; Efésios 1:7-8
a ressurreição do corpo – 1 Coríntios 15:42-43
a vida eterna – João 3:16

Existem algumas variações no texto do credo, mas não são muito grandes. As duas grandes variações são:

  • O “mundo dos mortos” – alguns grupos dizem “inferno” ou “hades”; de qualquer forma, o objetivo dessa parte é enfatizar que Jesus esteve realmente morto durante três dias.
  • A “santa Igreja universal” – muitas vezes aparece como a Igreja Católica; “católico” significa “universal”, todos os verdadeiros cristãos; não significa necessariamente a Igreja Católica dirigida pelo Vaticano.
Veja Também >>  Oração de São José - 9 Orações de São José Para Diferentes Finalidades

A Oração do Credo na Bíblia

No encerramento do Ano da Fé (30/6/67 a 30/6/68), em comemoração dos 1900 anos dos martírios de São Pedro e São Paulo, o Papa Paulo VI quis oferecer à Igreja a sua Profissão de Fé, que se chamou o Credo do Povo de Deus.

Muitas razões tornaram este CREDO de Paulo VI de grande importância para a Igreja, sendo muito utilizado e citado nos documentos posteriores da Igreja.

Desde o início de sua vida apostólica, a Igreja elaborou o que passou a ser chamado de Símbolo dos Apóstolos, assim chamado por ser o resumo fiel da fé dos Apóstolos; foi uma maneira simples e eficaz da Igreja apostólica exprimir e transmitir a sua fé em fórmulas breves e normativas para todos.

O Creio sintetiza tudo aquilo que o católico crê. Este é como que o mais antigo Catecismo romano. O Creio, é a identificação do católico.

Assim, ele é professado solenemente no Dia do Senhor, no Batismo e em outras oportunidades.

Explicação Bíblica Para Cada Verso do Credo

CREIO EM DEUS – Nosso Deus é o único Senhor (Deuteronômio 6,4; Marcos 12,29).

PAI TODO-PODEROSO – O que é impossível para os homens é possível para Deus (Lucas 18,27)

CRIADOR DO CÉU E DA TERRA – No princípio, Deus criou o céu e a terra (Gênesis 1,1).

CREIO EM JESUS CRISTO – Ele é o resplendor glorioso de Deus, a imagem própria do que Deus é (Hebreus 1,3).

SEU ÚNICO FILHO – Pois Deus amou tanto o mundo que lhe deu seu Filho único, para que todo aquele que crer nele não morra, mas tenha a vida eterna (João 3,16).

NOSSO SENHOR – Deus o fez Senhor e Messias (Atos 2,36).

QUE FOI CONCEBIDO POR OBRA E GRAÇA DO ESPÍRITO SANTO – O Espírito Santo virá sobre ti e o poder do Deus Altíssimo repousará sobre ti como uma nuvem. Por isso, o menino que irá nascer será chamado Santo e Filho de Deus (Lucas 1,35).

NASCEU DA SANTA VIRGEM MARIA – Tudo isto ocorreu para que se cumprisse o que o Senhor havia dito por meio do profeta: A virgem conceberá e dará à luz um filho, o qual será chamado Emanuel, que significa: Deus está conosco) (Mateus 1,22-23).

PADECEU SOB O PODER DE PÔNCIO PILATOS – Pilatos tomou então a Jesus e mandou açoitá-lo. Os soldados trançaram uma coroa de espinhos, a puseram na cabeça de Jesus e o vestiram com uma capa escarlate (João 19,1-2).

FOI CRUCIFICADO – Jesus saiu carregando sua cruz para ir ao chamado lugar da caveira (que em hebraico chama-se Gólgota). Ali o crucificaram e, com ele, outros dois, um de cada lado. Pilatos mandou afixar sobre a cruz um cartaz, que dizia: Jesus de Nazaré, rei dos judeus (João 19,17-19).

MORTO E SEPULTADO – Jesus gritou fortemente: Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito! e, ao dizer isto, morreu (Lucas 23,46). Depois de baixá-lo da cruz, o envolveram em um lençol de linho e o puseram em um sepulcro escavado na rocha, onde ninguém ainda havia sido sepultado (Lucas 23,53).

Veja Também >>  Oração da Noite - Recupere a Paz Interior e Descanse com o Coração Unido a Deus

DESCEU AOS INFERNOS – Como homem, morreu; porém, como ser espiritual que era, voltou à vida. E como ser espiritual, foi e pregou aos espíritos encarcerados (1Pedro 3,18-19).

AO TERCEIRO DIA, RESSUSCITOU DENTRE OS MORTOS – Cristo morreu por nossos pecados, como dizem as Escrituras; foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia (1Coríntios 15,3-4).

SUBIU AOS CÉUS, ONDE ESTÁ SENTADO À DIREITA DE DEUS PAI TODO-PODEROSO – O Senhor Jesus foi levado ao céu e se sentou à direita de Deus (Marcos 16,19).

DE ONDE HÁ DE VIR PARA JULGAR OS VIVOS E OS MORTOS – Ele nos enviou para anunciar ao povo que Deus o constituiu juiz dos vivos e dos mortos (Atos 10,42).

CREIO NO ESPÍRITO SANTO – Pois Deus encheu nosso coração com o seu amor por meio do Espírito Santo que nos deu (Romanos 5,5).

CREIO NA IGREJA QUE É UNA – Para que todos sejam um, como tu, Pai, em mim e Eu em ti; que eles sejam também um em Nós para que o mundo creia que Tu me enviaste (João 17,21; João 10,14; Efésios 4,4-5).

É SANTA – A fé confessa que a Igreja… não pode deixar de ser santa (Efésios 1,1). Com efeito, Cristo, o Filho de Deus, a quem o Pai e com o Espírito Santo se proclama o Santo, amou a sua Igreja como sua esposa (Efésios 5,25). Ele se entregou por ela para santificá-la, a uniu a Si mesmo como seu próprio corpo e a encheu do dom do Espírito Santo para a glória de Deus (Efésios 5,26-27). A Igreja é, portanto, o povo santo de Deus (1Pedro 2,9) e seus membros são chamados santos (Atos 9,13; 1Coríntios 6,1; 16,1).

É CATÓLICA – E Eu te digo que tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja e nem o poder da morte poderá vencê-la (Mateus 16,18). Possui a plenitude que Cristo lhe confere (Efésios 1,22-23). É católica porque foi enviada em missão por Cristo à totalidade do gênero humano (cf. Mateus 28,19).

É APOSTÓLICA – O Senhor Jesus dotou a sua comunidade de uma estrutura que permanecerá até a total consumação do Reino. Antes de mais nada houve a escolha dos Doze Apóstolos, tendo Pedro como cabeça (cf. Mateus 3,14-15), visto que representavam as Doze Tribos de Israel (cf. Mateus 19,28; Lucas 22,30). Eles são os fundamentos da Nova Jerusalém (cf. Apocalipse 21,12-14). Os Doze (cf. Marcos 6,7) e os outros discípulos (cf. Lucas 10,1-2) participaram da missão de Cristo, em seu poder e também em sua sorte (cf. Mateus 10,25; João 15,20). Com todas estas providências, Cristo preparou e edificou a sua Igreja (2Timóteo 2,2).

CREIO NA COMUNHÃO DOS SANTOS – Depois disso, olhei e vi uma grande multidão de todas as nações, raças, línguas e povos. Estavam de pé diante do trono e do Cordeiro, e eram tantos que ninguém podia contá-los (Apocalipse 7,9).

NO PERDÃO DOS PECADOS – Aqueles a quem perdoares os pecados ser-lhe-ão perdoados (João 20,23).

NA RESSURREIÇÃO DA CARNE – Cristo dará nova vida a seus corpos mortais (Romanos 8,11).

E NA VIDA ETERNA – Ali não haverá noite e os que ali vivem não precisarão da luz da lâmpada, nem da luz do sol, porque Deus, o Senhor, lhes dará sua luz e eles reinarão por todos os séculos (Apocalipse 22,5).

AMÉM – Assim seja! Vem, Senhor Jesus! (Apocalipse 22,20).

Oração do Credo em Latim

“Credo in Deum, pater omnipotentuem,

Creatorem ceali e terrae

Et in Jesum Christium, Filium ejus unicum, Dominus Nostrum

Qui conceptus est de Spiritu Sancto

Natus ex Maria Virgine

Passus sub Pontio Pilato

Crucifixus, mortus, Et sepultus

Descendit ad infernos,

Tertia dia ressurexit a mortuis

Ascendit at caelos,

Sedet at dexteram Dei Patris omnipotentis

Inde venturus ET judicare vivos ET mortuos.

Credo in Spiritum Sanctus,

Sanctam Ecclesiam Catholicam,

Sanctorum Communionem,

Remissionem pecatorum,

Carnis ressurrectionem,

Vitam aeternam,

Amem.”

Deixe o seu testemunho e compartilhe a Oração do Credo!

Compartilhe Esta Página:

3 thoughts on “Oração do Credo – Afirme que Você Crê em um só Deus e Crie um Laço com Ele

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *